LA CAGE

Lançamento: 27 de Junho de 1971

Gravadora: Pathé Marconi

Composição: Jean Michel Jarre

Percussão: Jean Pierre Monleau

TRACKLIST:

LADO A:

La Cage (3:25)

LADO B:

Eros Machine (3:00)

Foi na clandestinidade que Jean Michel Jarre compôs este single no estúdio do GRM (Group de Recherches Musicales  – Grupo de Pesquisas Musicais) de Pierre Schaeffer, em Paris, no ano de 1969. Ele mesmo confessou que “roubou” as chaves do estúdio porque não era permitido entrar naquele “templo da tecnologia”, segundo ele diz. “Somente os compositores adultos da universidade podiam ir até lá “. À noite, Jarre gravou as duas músicas utilizando 16 osciladores e tudo o que estava em suas mãos para criar efeitos, como por exemplo instrumentos de percussão, uma serra musical e até uma máquina de escrever.

“Era o single de estreia na música eletrônica. Era a idade do GRM em que éramos a turma da noite. Com a ajuda de um baterista em um estúdio ‘pirata’, gravamos este single em uma noite”, diz Jarre em recente entrevista. 

Jarre não encontrou uma gravadora que estava disposta a publicar o seu trabalho, devido aos sons experimentais. Foi somente no ano de 1971, que a gravadora Pathé Marconi concordou em distribuir o single. Apenas 500 cópias foram prensadas e 117 foram vendidas. As cópias restantes foram destruídas pela gravadora, mas a fita original foi preservada.

A faixa “La Cage” foi uma das escolhidas para fazer parte da coletânea “Made in Frace”, lançada em 1978.

Cassete da coletânea francesa “Made in France“. La Cage é a quarta música do Lado A

“La Cage” e “Eros Machine” estão presentes nas coletâneas oficiais “Essentials & Rarities”, “Planet Jarre” e também foram remixadas pelo DJ franco-ucraniano Vitalic.

ARQUIVO JARREFAN:

Trax Magazine: Entrevista e remix de ‘La Cage’ por Vitalic