JARRE LEVOU A MAGIA DA MÚSICA ELETRÔNICA PARA O ÉLYSÉE EM UM SHOW MEMORÁVEL

23/06/2021|Por: Samantha Reis

Jean-Michel Jarre aprontou de novo. Ao longo de sua carreira, o icônico produtor e compositor francês, tem se destacado pelas multidões que atrai em seus shows. E essa magia ainda está muito viva. No dia 21 de junho, no âmbito das celebrações da Fête de la Musique, o dia da música francesa, Jarre fez a curadoria e encabeçou um espetáculo eclético no pátio do Palais de l’Élysée. O lendário artista se apresentou num palco intergeracional, oferecendo uma experiência audiovisual única, em que som e luz dançaram em perfeita harmonia. Extremamente envolvente, o concerto deu uma perspectiva temporal ao contar a história da música eletrônica. Um verdadeiro filme audiovisual, pelas mãos do grande maestro Jean-Michel Jarre.

Embora a maioria dos fãs tenha assistido remotamente pela transmissão ao vivo, um pequeno público de jovens portadores do Pass Culture pôde desfrutar da experiência no local. Todas as medidas de segurança exigidas pelo contexto atual foram respeitadas e em nada diminuíram o brilho da ocasião. Por alguns momentos, o pátio do Palácio encheu-se de música eletrônica em uma atmosfera eletrizante. Para quem se deixou guiar pelo som e pela paisagem, foi rapidamente catapultado para o espaço, numa montanha-russa de emoções e vibrações. Para Jean-Michel Jarre, também foi um momento memorável:

“Depois de tanto tempo separados, foi maravilhoso passar uma noite especial com um público na vida real. Compartilhamos essas boas vibrações com todo mundo por meio da transmissão ao vivo, e sei que estaremos todos juntos novamente em breve. Obrigado a todos os artistas que se apresentaram. Foi uma noite que nunca esquecerei.”

Jean-Michel Jarre encerrou as festividades em um palco onde Irène Drésel, Glitter, Cerrone e NSDOS também se apresentaram, em uma noite inteiramente dedicada à música, cultura e arte. Jarre é patrono da cultura francesa e mundial, tendo em seu portfólio, um vasto e importante trabalho voltado para a música. Ele não é apenas embaixador da Boa Vontade da UNESCO, mas também um inovador no uso da tecnologia para o benefício do desenvolvimento e da música.

Clique nas imagens das galerias para ampliar:

Antes do concerto, Jean-Michel foi homenageado pelo presidente francês Emmanuel Macron com a insígnia de Comandante da Légion d’HonneurEsta é a terceira vez que ele recebe a merecida distinção pelo seu inovador e incansável trabalho.

Fonte: Weraveyou.com|Fotos: jeanmicheljarre.com (show) e Michel Granger (Légion d’Honneur )