Rápido & Rasteiro – Out/2019

JARRE VAI A XANGAI PARA INAUGURAÇÃO DE NOVA SEDE DO HSBC NA CHINA

O músico francês Jean Michel Jarre, esteve em 28 de agosto em Xangai, na China para a inauguração da nova sede do banco HSBC, no Jade Center Xangai. Durante a cerimonia de abertura, Jarre falou sobre seu envolvimento com o HSBC, na qual foi convidado para criar a nova identidade musical para a companhia financeira. Posteriormente, Jarre conversou com dois apresentadores chineses, sobre sua carreira e a relação com a China, desde sua histórica turnê em 1981 até seu relacionamento com a atriz chinesa Gong Li, sua atual esposa.

“A China se tornou minha outra metade, seja música. A carreira ainda é uma vida pessoal.”

Além disso, ele não se esqueceu de promover o próximo trabalho de Gong Li, revelando que ela irá interpretar a treinadora Lang Ping no filme “Chinese Women’s Volleyball”.

Fontes: Redes Sociais Chinesas e Imprensa local

Vídeos: Agradecimentos a Leonardo Jammal.

FOTÓGRAFO BRASILEIRO CRIA NOVO PORTA-RETRATO DE JARRE

O fotógrafo brasileiro radicado em Paris Roberto Frankenberg, conhecido por fazer porta-retratos de celebridades francesas e europeias em geral, e bastante premiado na França, acaba de publicar duas fotos que fez com o músico francês Jean Michel Jarre. Uma delas, o próprio Frankenberg aparece abraçado ganhando um beijo de gratidão do músico.

Jean Michel Jarre by Roberto Frankenberg
Jean Michel Jarre agradece Roberto Frankenberg

Fonte: Roberto Frankenberg

EXPOSIÇÃO SOBRE MÚSICA ELETRÔNICA CHEGA A ITÁLIA

A exposição “Rêve Électro: de Kraftwerk à Daft Punk”, que ocorreu durante os dias 9 de abril a 11 de agosto na Philharmonie de Paris, agora parte para uma nova etapa: Itália.

A expo foi reaberta como “Electro: Elettronica Visione & Musica”, no Parco della Bissuola em Veneza,  com o apoio da Bienal de Veneza em colaboração com a  Philarmonie de Paris e o CIMM (Centro de Informações Musicais e Multimídia) entre os dias 23/09 a 10/11. Assim como aconteceu na Expô de Paris, a mostra apresenta um stand exclusivo imitando o estúdio de Jarre, com direito a vários de seus sintetizadores clássicos e uma cópia da harpa laser, com curadoria de Jean-Yves Leloup e Laurent Garnier (parte musical).

Fonte: https://www.djmagitalia.com/electro-venezia-club-culture/

OBTUÁRIOS DA FAMA

26/09/2019: Ex-Presidente francês Jacques Chirac, cuja história política o transformou em um dos maiores estadistas da atual República Francesa. Ele foi, nos anos 70, o primeiro prefeito da história de Paris (antes a cidade era divida em distritos, cada um com seu prefeito), e durante este período, autorizou o concerto na Place de la Concorde (1979) de Jean Michel Jarre, sendo que foi a primeira vez na história que aquele local seria usado para a realização de um show ao ar livre.

Prefeito Chirac com Jarre e sua família (Charlotte Rampling e France Pejot) durante a Expo Concert d’Images -1989

Em sua terceira passagem pela prefeitura, autorizou o concerto no La Défense. Ele ainda foi havia sido duas vezes Primeiro-Ministro da França, antes de ocupar a Presidência da Republica Francesa em dois mandatos. Em 2004, se encontrou com Jarre em Pequim no Ano Internacional da França na China, embora não tenha assistido ao concerto do músico na Cidade Proibida. Foi no primeiro ano de mandato na Presidência, que Jarre recebeu seu primeiro título de Legião da Honra.

Chirac pede desculpas a Jarre por não poder acompanhar seu concerto na Cidade Proibida, em Pequim

Chirac tinha 86 anos. Apesar dos problemas de saúde dos últimos anos, a causa da morte não foi revelada pela família.

01/10/2019: Ilusionista, mágico e hipnólogo francês Dominque Webb, conhecido por seus truques de mágica e hipnose durante os anos 60 e 70. Em 1973, Webb comissionou o então ainda desconhecido Jean Michel Jarre, para criar um tema eletrônico para seus shows.

Dominique Webb nos anos 70

Jarre compôs então a música “Hypnose”, em duas versões, uma instrumental e outra cantada com a voz grave de Webb. Foi lançado um single na França, e Webb utilizou este tema durante um show no Teatro Olympia no mesmo ano.

A morte foi confirmada por sua filha Julia Webb. Desde 2016, o mágico já não andava mais devido a um acidente com esquis na neve.

Single “Hypnose” (1973)