EM ENCONTRO COM FÃS JARRE DÁ DICAS DE PRÓXIMOS PROJETOS

Jarre encontra fãs na França
Jarre encontra fãs na França
O músico francês J.M. Jarre tem estado bastante ocupado promovendo sua turnê “2010”, que voltará com força total no final de setembro de 2010 para várias datas no Reino Unido, Irlanda, França, Bélgica, Suíça e Holanda. Ele tem divulgado a turnê nestes países durante o mês de agosto e setembro. Tem aparecido em redes de rádio e TV britânicas como a BBC e na imprensa francesa.

No ultimo dia 14 de Setembro, ele esteve na cidade francesa de Caen, para ver a arena Zenith, onde irá realizar um show dia 25 de novembro. Na ocasião da visita, o jornal francês “Ouest France”, sorteou cinco fãs sortudos (eles vieram de Caen, Granville e Le Havre) que tiveram a oportunidade de encontrar o Mago dos Teclados e fazer perguntas ao mesmo. Como todos sabem, ao contrário de repórteres, fã sempre cobra muito seu ídolo.

1) Haverá convidados no palco?

JMJ Eu pensei em pessoas como Vitalic, Sebastien Tellier, mas é muito complicado. Em parte por causa das agendas. E, em seguida, shows desta turnê nunca são os mesmos e a sua concepção não é a mesma.

2) Eu vi você em Nantes e acho que seu setlist carece sem Chronologie 4 e Zoolookologie.

JMJEu tomo todas as críticas e todos os conselhos…Entre a concepção da turnê e os shows, as coisas vão mudando. Eu até quero que as coisas caminhem mais rápidas, mas no ano que passou foi triste emocionalmente com a perda de meu pai, minha mãe, um amigo próximo e então mantivemo-nos fiéis à lista original. Sobre Zoolookologie, a música é bastante sampleada e é mais difícil de integrar. Para Chronologie 4 não tive tempo para fazer novos acordes como deveria ser.

3) Como seus shows são concebidos?

JMJNós trabalhamos para evitarmos ser preso a um esqueleto. Que seria um concerto que é realizado toda noite, quando tudo o que temos que fazer é pressionar um botão, uma tendência que está se desenvolvendo nestes dias. Então nós tentamos mudar, arrumar um desafio a cada dia. Ter mini-programações que podem ser trocadas de acordo com os desejos, encurtar ou alongar, garantindo também que nunca as luzes ou o visual prevaleça sobre a música. E isto tem funcionado bem. O público sente isto, como recentemente em Oslo, onde nós estávamos em um festival com outros grupos mais formatado. Este aspecto constitui um retorno muito louco do público ao vivo.

4) Qual o futuro para os instrumentos eletrônicos? Ainda haverá instrumentos mais poéticos, menos computador…

JMJHoje em dia, já não se fabrica sintetizador igual a que você pode encontrar com violinos, tambores…No entanto a música eletrônica ainda faz parte disto. Nós somos animais temos que tocar, mexer há uma conexão emocional com o instrumento. Veja o sucesso dos tablets hoje. Por outro lado, o computador faz coisas extraordinárias acontecerem, então temos que achar um balanço para que estes instrumentos possam coexistir juntos.

5) Você desenvolveu uma coluna de som (sobre o AeroSpaceOne).

JMJNós tivemos o disco de vinil, o CD e o MP3, onde a cada momento temos perdas sonoras. Antes os aparelhos de som HI FI, era o coração das salas e salões. Hoje possuímos pequenas caixas de plástico pretas horríveis. Então eu comecei a pensar sobre um sistema de som, para ir de encontro além da emoção. É uma ambição estética, com objetos de vidro, metal de qualidade, mas também para ouvir tanto o clássico e o jazz, hip-hop ou electro.

6) Nesta atual turnê, você está pagando tributo a Arthur Clark. O próximo álbum vai ser dedicado ao espaço?

JMJNão necessariamente. Estou longe de ficar satisfeito com o que eu fiz. Eu acho que isto melhora a sua vida naquilo que você acredita. Como será o álbum? Como agradamos a opinião pública?…Nós estamos trabalhando em algo novo, que sairá dos canais tradicionais e haverá um monte de coisas, que deve sair no próximo ano (2011).

7) Quando sairá um teclado J.M.JARRE ?

JMJSe for apenas para colocar a minha assinatura, eu não estou interessado. Eu também quero ir mais longe, mas para desenvolver um sintetizador,isto exigirá mais tempo que eu disponha.

8) Um trabalho conjunto com Vangelis ?

JMJVai ser complicado, pois ele parou completamente com a música. Ele começou a pintar. Musicalmente, talvez me interesse, mas a principio, não tenho certeza …

9) Vi seu concerto em LA DEFENSE. Quando ocorrerá um projeto deste tipo novamente ?

JMJPrimeiro, eu não sou o organizador deste tipo de show. Costumo tocar nestes eventos particulares quando sou convidado. O contexto econômico atual não é favorável neste momento. Eu estive recentemente em Santiago de Compostela e na próxima semana estarei em Beirute. Estou neste contexto atual de turnê mundial que provavelmente continuará até 2012, com projetos para tocar em festivais no próximo ano e em seguida em etapas.

Fonte:

http://www.caen.maville.com/actu/actudet_-Jean-Michel-Jarre-Un-retour-du-public-dement-_loc-1511248_actu.Htm?xtor=RSS-4&utm_source=RSS_MVI_caen&utm_medium=RSS&utm_campaign=RSS

Avatar

Marcos Paulo

Fã Clube criado em 1997 nos primórdios da internet no Brasil. Buscamos sempre a realização de ao menos uma apresentação do Maestro Jean Michel Jarre em nosso país.