JARRE VAI LANÇAR ÁLBUM COM OS REMIXES DE “OXYMORE” EM NOVEMBRO

Um novo álbum de remixes intitulado “Oxymoreworks” será lançado em 3 de novembro de 2023 nos formatos digital, CD e vinil. O anúncio foi feito por Jean-Michel Jarre em suas redes sociais no dia 22 de setembro, junto com o lançamento do remix da faixa “Zeitgeist”, produzido pela cantora e compositora francesa Irène Drésel.

“ZEITGEIST BOTANICA, o mais recente retrabalho do OXYMORE com a maravilhosa Irène Drésel já foi lançado. A faixa é como uma experiência techno colorida, sensual e ousada e eu não poderia estar mais feliz por tê-la no projeto. Ouça agora e nos diga o que você pensa: ZEITGEIST BOTANICA (lnk.to)

O álbum completo OXYMOREWORKS está agora em pré-venda nos formatos CD, vinil e digital. Lançamento em 3 de novembro: OXYMORE REWORKS (lnk.to)

Irène Drésel comentou em suas redes sociais:

“A surpresa de hoje! Como parte de seu projeto ‘OXYMOREWORKS’, Jean-Michel Jarre e eu criamos uma nova versão de sua faixa ‘ZEITGEIST’. Este retrabalho, intitulado ‘ZEITGEIST BOTANICA’, apresenta uma narrativa feita de pausas, ao mesmo tempo que infunde uma dimensão hipnótica com toques techno. A respiração de Pierre Henry (a quem o álbum Oxymore foi dedicado) pontua a faixa, como um instrumento de outro mundo, outro espaço-tempo. O álbum completo ‘OXYMOREWORKS’ já está em pré-venda nos formatos CD, vinil e digital (lançamento em 3 de novembro) e contará com uma série de colaborações de outros artistas 🙂. Agradecimentos especiais a Hervé Déjardin pela colaboração no design de som.”

OXYMOREWORKS

“Oxymoreworks” é uma coleção de colaborações com outros artistas cobrindo uma ampla gama de gêneros eletrônicos. O trabalho de nove faixas, inclui todas as reformulações do álbum “Oxymore” mais dois remixes ainda inéditos: um de Armin van Buuren (para a faixa “Epica”) e outro do NSDOS (para “Zeitgeist”). Esses remixes deverão ser divulgados nos próximos dias, antes do lançamento do álbum. Cada faixa foi composta e produzida por Jarre em colaboração direta com o respectivo artista, resultando em uma nova versão distinta que mostra o talento artístico compartilhado de ambos os músicos.

TRACKLIST:

1 JMJ x Martin Gore – Brutalism Take 2 (05:00)
2 JMJ x Brian Eno – Epica Extension (04:29)
3 JMJ x Deathpact – Brutalism Reprise (04:28)
4 JMJ x French79 – Epica Take 2 (05:32)
5 JMJ x Adiescar Chase – Synthy Sisters Take 2 (03:12)
6 JMJ x Armin van Buuren – Epica Maxima (05:17)
7 JMJ x Nina Kraviz – Sex In The Machine Take 2 (05:02)
8 JMJ x Irène Drésel – Zeitgeist Botanica (05:48)
9 JMJ x NSDOS – Zeitgeist Take 2 (05:11)

“Oxymore ocupou um lugar especial em meu coração ao embarcar em uma jornada sonora verdadeiramente única. Com a profunda alegria de colaborar com outros artistas, semelhante ao meu projeto anterior, Electronica, eu queria criar um nova perspectiva sobre minha música. Procurei músicos que eu acreditava que acrescentariam uma dimensão fascinante a cada faixa com seus diversos talentos. Oxymoreworks é um testemunho da arte da colaboração, uma coleção vibrante de diálogos musicais.” (Jean-Michel Jarre)

Este será o quarto álbum de remixes da discografia de Jean-Michel Jarre. Os três primeiros foram o Jarremix (1995), Odyssey Through O₂ (1998) e Re-Oxygene (lançado apenas no box-set The Complete Oxygene em 2007). Todos estão fora de catálogo.

Fonte: Jean-Michel Jarre

Views: 73