T.K. é preso por fraude musical no Japão

BOMBA, EX-PARCEIRO DE JARRE É PRESO POR FRAUDE

Considerado uma lenda no Japão e extremo oriente, e pai do movimento Pop musical japonês conhecido como J-Pop, Tetsuya Komuro foi preso no Japão.

A Agência de noticias Reuters acaba de informar que Tetsuya Komuro, o T.K., foi preso em Osaka, no Japão, no dia 04 de Novembro, por fraude de US$ 5 Milhões por direitos autorais de suas músicas. Os programas de TV do Japão não param de mostrar o músico de 49 anos, com a cabeça abaixada, saindo do hotel em lágrimas: “Quero pedir desculpas as vítimas, eu estou pronto para enfrentar a acusação penal”, disse o desesperado T.K. ao ser enviado para a delegacia.

Infelizmente o mundo de sucessos nos anos 90 e começo do novo século não refletiu na carreira do artista recentemente causada por um mau gerenciamento de negócios, um divórcio turbulento e projetos empresariais falidos que fizeram o Sr.TK dar cambalhatas em sua dívida pessoal. Segundo relatos do site Japan Zone, a Corte do distrito de Osaka abriu o caso logo
após um investidor da prefeitura de Hyogo ter entrado com um processo contra Komuro em outubro.

Conta o caso que em agosto de 2006 este homem se aproximou de Komuro, que lhe disse que venderia os direitos de suas 806 músicas que ele escreveu através de sua enorme e bem sucedida carreira por um total de 1 bilhão de ienes.

Alegando que uma de suas ex-esposas estava o pressionando para o pagamento de mais de 700 milhões de ienes de pensão, Komuro pediu por 500 milhões de ienes de adiantamento. O investidor lhe depositou o dinheiro só para mais tarde descobrir que os direitos de muitas de suas músicas eram, na verdade, propriedade da gravadora Avex Entertainment.

Nos aureos tempos, T.K. chegou a ser um dos artistas mais ricos do Japão, com várias Ferraris na garagem, iates luxuosos e mansões em lugares paradisiacos como Hawaii, Bali e Malibu. Chegou a vender algo em torno de 170 milhões de discos no Japão e paíse do oriente. Hoje ele está pobre, endividado e preso !!! Abra o olho para a sua carreira Jarre, não acabe como o T.K. (vulgo TitiKa para alguns Jarrefans).

RECAPTULANDO…

Muitos Jarrefans devem se lembrar a 10 anos atrás, quando o músico francês J.M. Jarre se envolveu com o produtor musical e músico japonês, Tetsuya Komuro, também conhecido pela alcunha de “T.K.” (lê-se “tikei”). Jarre chegou a compor com ele a música “Together Now”, que fez parte do disco oficial da Copa do Mundo de 98 na França(aquela que o Ronaldo amarelou para
o Zidane na final). Juntos, eles fizeram o que os fãs consideram o PIOR SHOW da carreira de Jean Michel Jarre, o “Nuit Electronique”, no dia 14 de Julho de 2008 em frente a Torre Eiffel para celebrar a vitória da França naquela Copa. T.K. também esteve envolvido com o projeto The ViZitors, na qual Jarre, Francis Rimbert e T.K. tocaram em um festival japonês, “Rendez Vous
in Space” no dia de ano de 2001 para celebrar a entrada no novo milênio e em uma homenagem ao escritor Sir Arthur C. Clarke, projeto que também não deu muito certo, já que ficou apenas neste show.

Fonte: Agência Reuters / Forum Zoolook.nl

Avatar

Marcos Paulo

Fã Clube criado em 1997 nos primórdios da internet no Brasil. Buscamos sempre a realização de ao menos uma apresentação do Maestro Jean Michel Jarre em nosso país.

5 thoughts on “T.K. é preso por fraude musical no Japão

  • Pingback: Jarrefan Brazil » Retrospectiva 2008

  • Avatar
    11 de novembro de 2008 em 06:47
    Permalink

    *erda por *erda, vou jogá-la no ventilador. Jarre, ao contrário do Presidente Molusco, sabia… fez Partners in Crime 1 e 2/Teo&Tea em consideração ao TK. Ele também está sendo acusado da falência do Banco Itacú, o banco que fica 24 h aberto.

  • Avatar
    7 de novembro de 2008 em 17:14
    Permalink

    Esperei 10 anos para que a justiça fosse feita. A Justiça tarda, mas não falha !!!

  • Avatar
    6 de novembro de 2008 em 08:14
    Permalink

    Putz, logo que o Jarre apareceu com este TitiKa, já sabia que ia dar merda.

    Olha só a gozação que o pessoal está fazendo lá fora:

    Together Now In court”

    Or perhaps a New concert venture

    “The Fraudsters” A city in court

    A Joint venture of Publishing rights…..Starring Francis Dreyfus,and TK’s Publishing company

    Coming soon to a Civil court Near you!!!!!!

  • Avatar
    6 de novembro de 2008 em 03:09
    Permalink

    Seria mais um caso de ‘Diga-me com quem andas, que te direi quem és’???

    Uma vez mais, Jarre mal acompanhado… Se cuida, rapaz!!!

Fechado para comentários.