RÁPIDO & RASTEIRO – JANEIRO 2018

OXYGENE TRILOGY/ OXYGENE 3 É UM DOS MELHORES LANÇAMENTOS DO ANO PELA RÁDIO ECHOES

A “Radio Echoes”, conceituada rádio americana especializada em música progressiva, eletrônica, world music e new age, apresentou em dezembro sua lista dos melhores álbuns do ano de 2017. A lista geralmente é feita com os melhores de cada mês. “Oxygene Trilogy/Oxygene 3” foi considerado o melhor álbum do mês de Abril/2017, e 16° no total geral do ano, no ranking de 25 melhores álbuns de 2017. Um bom reconhecimento em terras norte-americanas.

Fonte: https://wp.me/p4ZE0X-dgM

JARRE ESCOLHIDO O MELHOR DO ANO EM ISRAEL PELO CONCERTO “ZERO GRAVITY – LIVE @THE DEAD SEA”

O “Israel Valley”, jornal oficial da Câmara de Comércio França-Israel, escolheu Jean Michel Jarre como o artista francês do ano pelo seu concerto “ZERO GRAVITY – LIVE @THE DEAD SEA”, realizado em 6 de abril de 2017, para chamar atenção do Mar Morto, que está desaparecendo a cada ano que passa. A atenção ecológica demostrada por Jarre, “Embaixador da UNESCO” pela Educação, Cultura e Tolerância, fez com que o jornal “Israel Valley”, escolhesse Jarre ao invés de outro artista francês, a lenda Charles Aznavour, que está fazendo uma turnê de aposentadoria.

O jornal destaca: “Em um cenário de paisagem lunar, paisagem desértica embebida na história, um mar lendário localizado a 400 metros abaixo do nível da terra, Massada relatando a memória do povo judeu e seu amor inalterável por seu país, eleito para uma noite inesquecível descobrindo os talentos fora do ordinário de um visionário universal”.

FÃ PREPARA MAKING OF DO “THE CONNECTION CONCERT”

O fã espanhol Luisma Lostal, resolveu levar sua paixão pela música e obra de Jean Michel Jarre mais a fundo. Durante a realização do “The Connection Concert” em Liebana, Espanha, o Sr.Lostal resolveu registrar em vídeo como se fosse um diário de produção, todos os passos de Jarre na Espanha, para a realização do concerto. O resultado é o documentário  “POR LIÉBANA… CON JEAN MICHEL JARRE” que ele espera lançar em 2018.

Fonte: Israel Valley

MAKING OF DA TRANSMISSÃO EM 360°, 4K DA ELECTRONICA TOUR

Em 13 de dezembro, Jarre postou nas redes sociais, vídeo com o Making of da transmissão 360°, 4K, do concerto de Paris, realizado um ano antes da turnê “Electronica Tour passar pela capital francesa:

“Há um ano atrás, na ocasião do show de Paris da Electronica World Tour na Arena AccorHotels, nós rompemos os limites por fazer a primeira transmissão VR 360° em 4K Live Stream no Youtube!!!.  Aqui está o Making of  deste projeto. #worldpremiere”

https://www.youtube.com/watch?v=QyprHcuOelM

Fonte: Jean Michel Jarre

JARRE HOMENAGEA O AMIGO JOHNNY HALLYDAY

Jean-Michel Jarre, Johnny Hallyday e Charlotte Rampling durante o 3° “Victoires de La Musique” em 1987.

Considerado por muitos o maior roqueiro da França, Johnny Hallyday morreu aos 74 anos no último dia 6/12. O cantor enfrentava um câncer no pulmão. Hallyday tinha forte presença de palco inspirada em Elvis Presley e um estilo musical com influências de Chuck Berry e Buddy Holly. Embora sua fama tenha sido restrita aos países de língua francesa, ele vendeu cerca de 110 milhões de discos em 50 anos de carreira.  O presidente da França Emmanuel Macron, por meio de uma declaração, afirmou que o cantor “trouxe uma parte da América para o nosso panteão nacional”.

O músico francês Jean Michel Jarre era um grande amigo de Hallyday. Apesar de nunca terem colaborado, a admiração entre os músicos era mutua. Jarre prestou uma homenagem a Hallyday nas redes sociais:

” JOHNNY, pensamos que as pessoas que amamos são eternas e são … muita ternura pensando em você como sempre.”

Também no dia 6/12, Jarre apareceu ao vivo no programa “News&Compagnie BFMTV” da TV francesa para falar do amigo. Jarre enfatizou que Hallyday “foi um heroi francês, e a ternura que todos nós temos por ele permanecerá intacta”.

Fontes: Imprensa francesa / J.M.Jarre

JARRE HOMENAGEIA PRIMEIRO ASTRONAUTA A VOAR SEM AJUDA DE CABOS NO ESPAÇO

O ex-astronauta Bruce McCandless II, o primeiro homem a flutuar livremente no espaço sem qualquer ligação à nave, faleceu aos 80 anos no último dia 21 de dezembro. De acordo com o perfil feito pela NASA, Bruce gostava de fotografar, mergulhar, esquiar e voar. Formou-se pela Academia Naval dos Estados Unidos e fez doutorado em engenharia elétrica pela Universidade de Standford. Também serviu à marinha americana. Foi selecionado pela agência espacial em 1966, junto com outros 18 colegas. Era um dos membros da equipe de apoio da missão Apollo14.  Serviu em duas missões do Ônibus Espacial.

Em fevereiro de 1984, durante a missão STS-41-B, com ajuda deu uma MMU (Unidade de Manobra Tripulada), ele flutuou por mais de 5 horas e ficou a quase 100 metros do Ônibus Espacial Challenger, se tornando o primeiro homem a flutuar fora da nave sem ajuda de cabos. Sua imagem fora da nave se tornou uma das mais icônicas do século XX. Em 1990, ele retornaria ao espaço em mais uma missão: a STS 31. Desta vez, no Ônibus Espacial Discovery.

Bruce McCandless foi o responsável pela ligação de Jean Michel Jarre com a NASA. Foi ele que apresentou o astronauta Ron McNair a Jarre. McNair já havia voado na missão STS 41B, junto com Bruce e até tocado saxofone no espaço. A ideia era que na missão STS 51 L da Challenger, McNair tocasse uma faixa de Jazz, para que Jarre gravasse na Terra, e que seria usada no álbum “Rendez-Vous”. Mas, infelizmente a Challenger explodiu, matando todos os 7 tripulantes. Bruce também convenceu Jarre a não desistir do concerto de Houston, para que o mesmo se transformasse em homenagem aos astronautas que morreram na missão.

Nas redes sociais Jarre postou:

“Pensamentos especiais para o meu amigo astronauta #brucemcclessless que realizou a primeira caminhada espacial e sem o qual o concerto de #houston com a NASA – Administração Nacional de Aeronáutica e Espaço nunca aconteceria. Todas as minhas condolências à família. #nasa #houston #astronauts #spacewalk”

Fontes: Jean Michel Jarre e NASA

JARRE EM VÍDEO PELOS 70 ANOS DA DECLARAÇÃO DOS DIREITOS HUMANOS

Para celebrar os 70 anos da “Declaração dos Direitos Humanos” pela ONU, o músico francês e também Embaixador da UNESCO, Jean Michel Jarre, gravou um vídeo para as Nações Unidas, que foi ao ar no YouTube no dia 7 de dezembro. O músico fala sobre um dos principais itens dos direitos humanos: Direito à Educação.

Fonte: ONU