ELECTRONICA WORLD TOUR: JARRE INICIA TURNÊ NO SONAR 2016 EM BARCELONA

Eletronica tour

sonar2016

 

No dia 17 de Junho, o músico francês Jean Michel Jarre, deu início a primeira parte de sua turnê, “Electronica World Tour”, com um concerto Indoor no Festival Sonar 2016, em Barcelona, na Espanha. Com o pavilhão interno do Sonar lotado e congestinado, o público pode assistir a mais nova criação de Jean Michel Jarre, show que tem como carro-chefe os dois álbuns lançados por Jean Michel Jarre do Projeto Electronica (Electronica I – The Time Machine e Elecronica 2 – The Heart of Noise). Um dia antes, o músico já havia sido sensação no festival, ao participar de uma palestra no Sonar +D.

sonar1
Jean Michel Jarre
Claude Samard
Claude Samard
Stephane Gervais
Stephane Gervais

Jarre se apresentou no show acompanhado de seu fiel escudeiro Claude Samard(com Jarre desde 2004) e o novo membro da Le Tribe, o D.J. e produtor eletrônico canadense Stephane Gervais. O também canadense, Marco G., ficou fora do palco comandando o Ableton na mesa de som como técnico sonoro.

sonar

sonar3

sonar4

O show começou pontualmente as 22:30, e seguiu por quase hora e meia. O show foi basicamente os dois volumes do projeto Electronica, mas sem nenhuma participação especial, algumas faixas tocadas foram remixes e uma faixa nova, entitulada Web Spinner, foi executada. Sobre os clássicos, 4 faixas do Oxygene e Equinoxe também ajudaram a preencher o show e que não poderia falta, incluíndo Oxygene 8 do álbum “Oxygene 7-13”. Em determinado momento do show, Jarre chegou a deixar seus teclados de lado e se arriscou na Guitarra e ainda tivemos a faixa “Time Machine” executada na harpa laser.

sonar7

sonar8

jarre

what do you want

laser harp

A parte visual, contou com um novo palco, o cenário era aparentemente austero, com uma enorme tela na parte inferior e seis, vertical, translúcidas(de LED), localizadas no primeiro plano ,com os três artistas, Jean Michel Jarre ao centro e destaque principal e seus auxiliares ao fundo. Telões de LED, que se moviam, pareciam ser uma evolução dos telões usados em Mônaco, agora muito mais modernos. Eles chegaram a envolver os músicos no começo do show, simulando o sol da capa do Volume 2 de Electronica. Na faixa  “Brick England “, uma colaboração com Pet Shop Boys, o jogo de luzes, apresentou vários desenhos cantantes em imagens parecidas com 3D.  O concerto foi finalizado com uma versão remix de Stardust, transformando o Sonar em uma verdadeira rave eletrônica sonora e visual. Shows de laser e efeitos especiais é que não faltaram. Não precisa nem falar que a galera foi ao delírio total chegando até a cantarolar algumas músicas.

pose

Equinoxe

laserhpar2

demo

No dia seguinte, a imprensa espanhola e francesa deram vereditos positivos ao concerto:

“…Jean-Michel Jarre, pioneiro na fusão da linguagens musicais e visuais que aterrou em Barcelona, com uma montagem de impacto. Uma festa para a retina que cativou a planície gigantesca e conquistou o SónarClub e o Francês alcançou o panteão dos heróis do festival.” Jornal ABC – Barcelona – Espanha

http://www.abc.es/cultura/musica/abci-jean-michel-jarre-ilusionismo-electronico-para-hipnotizar-sonar-201606181255_noticia.html

 

“… Com enorme poder,  Jarre rejeitou uma engrenagem pública, com uma apresentação audiovisual que não falhou, mas não surpreendeu, já que ele tem dado movimentos ‘zoom in’ dele no palco…” – TELE 5 – Espanha

http://www.telecinco.es/informativos/cultura/Jean-Michel-Jarre-mundialmente-Sonar-sofisticacion_0_2197650004.html

 

 

“... a estréia de seu show foi consolidada, não só a sua figura como um pioneiro na música eletrônica, mas também a importância da parte visual. O resultado é cativante: é inevitável admirar um artista dedicado à sua causa em muitos teclados, com a mesma postura vitalista que tem caracterizado Jarre a décadas…”  Jenesaispop.com/  Espanha.

http://jenesaispop.com/2016/06/18/263657/jean-michel-jarre-y-nino-de-elche-arrasan-y-anohni-decepciona-en-sonar/

 

 

” O uso de música eletrônica para mobilizar as massas não tem segredos para o francês Jean-Michel Jarre, que no sábado renovou a sua comunhão com o público em geral no Sónar Festival, onde realizou a estreia mundial de seu novo show, uma crítica a hipervigilância da tecnológica…

PUBLICO – Espanha

http://www.publico.es/culturas/sonar-vive-noche-mas-critica.html

 

Jarre estava no palco para demonstrar apenas que o coração, tem o ruído, ele estava na noite passada sexta-feira em paisagens mais espetaculares tudo montado para o Sonar… Às 22h30, com pontualidade requintada, tons de fogo do canhão subwoofer moveu-lhe tudo. O chão tremeu quando  o palco se tornou vivo. Primeiro uma cascatas de cores rapidamente transformaram-se em uma mistura delirante tão atraente como formas alteradas cercaram o palco em que Jarre manipulava todos os tipos de aparelhos, incluindo uma guitarra. Com a ajuda de dois outros músicos na parte traseira, ele conseguiu emular o som de seus dois últimos álbuns antes de embarcar na recuperação forçada de alguns de seus sucessos…

EL PAIS – Espanha

http://cultura.elpais.com/cultura/2016/06/18/actualidad/1466247597_513631.html

 

.. a música de Jarre não soou oitentista documental. Pelo contrário, ele se aproximou dos” Chemical Brothers” e “The Art of Noise’. Certamente que retoque, provavelmente, principalmente na percussão e ritmos se transformou e rejuvenescer todos esses temas míticos dos anos setenta e oitenta que Jarre interpretou ou melhor, reinterpretados. Eu sou da opinião de que Jarre forma de uma forma ou de outra parte da história da música e, como tal, é a maneira de ver seu show, puro delírio…

GRANADA DIGITAL – Espanha

http://www.granadadigital.es/jean-michael-jarre-en-el-sonar-con-un-espectaculo-del-siglo-xxi/

 

 

Jean Michel Jarre, o Rei do Laser

TELEFAMA – FRANÇA

http://www.telerama.fr/festivals-ete/2016/au-sonar-jean-michel-jarre-et-alva-noto-n-en-ont-que-pour-vos-yeux,144085.php

 

 

SETLIST

Como todo concerto do Jarre, alguns minutos antes de cada apresentação, “Waiting For Cousteau” é tocada ao fundo…

 

The Heart of Noise Part 1

The Heart of Noise Part 2

Automatic

Oxygene 2

Circus

Web Spinner (faixa inédita)

Exit (Edward Snowden no telão)

Equinoxe 7

Conquistador (na guitarra).

What You Want

Oxygene 8

Zero Gravity (Above & Beyond Remix)

Brick England

Immortals

Architect

Oxygene 4

Equinoxe 4

Glory

Time Machine  (na harpa laser)

Stardust (AvB Remix)

 

Vídeo publicado por Jean Michel Jarre após o concerto:

“Agradecimentos ao Sónar Festival, eu não poderia imaginar um melhor pontapé de saída para a minha ELECTRONICA TOUR!

Gracias a todos ‪#‎jmjelectronica‬ ‪#‎sonar2016‬ ‪#‎sonar‬

 

Vídeo completo editado com gravações durante o show

 

Jarre retornar com sua turnê, apenas em 7 de Julho, seguindo por várias festivais até 23 de Julho. Em setembro ele retornar para a segunda fase, tocando em arenas menores, em várias cidades europeias. É possível que Jarre com o feedback alcançado no Sonar, faça algumas modificações, remova e inclua algumas faixas e ainda fica a promessa de participações especiais durante os shows.

 

Fontes, fotos e agradecimentos:

Jean Michel Jarre Team / Sonar 2016

Heidie M.C. /Evandro Lee/Gonçalo Vinha/ Daniel Yamaoka