MOSCOU: JARRE SE ENCONTRA COM NETO DE LEON THEREMIN E PENSA ATÉ EM VIVER LÁ

na russia

O músico francês Jean Michel Jarre, que estevem entre os dias 26 a 27 de Novembro em Moscou, para seus compromissos de promoção do álbum “Electronica I – The Time Machine”, como a sessão de autografos na loja “Republica” na capital russa, teve a oportunidade de se encontrar também com Peter Theremin, o neto de Leon Theremin, inventor do famoso instrumento que leva seu nome e pioneiro da música eletrônica. Peter presenteou o artista com um autógrafo raro de seu avô, emuldurado em um pequeno quadro. Jarre muito agradecido, publicou fotos em suas redes sociais. Quem também esteve neste encontro foi a banda espanhola LIE DETECTOR, que aproveitou a hospedagem no mesmo hotel para um encontro com o artista.

petertheremin
Jarre, e o neto de Leon Theremin, Peter.
Jarre com os membros da banda LIE DETECTOR.
Jarre com os membros da banda LIE DETECTOR.

https://www.instagram.com/p/-n_lz9I-tA/?taken-by=jeanmicheljarre

https://www.instagram.com/p/-oD50Ro-lB/?taken-by=jeanmicheljarre

autografo

E falando para a TV russa, durante a sessão de autografos, Jarre disse que poderia morar no país:

” Eu ofereci-me para fazer isso (morar na Russia) e eu ficaria feliz. Mas eu tenho que puxar para cima o meu russo,..”

O músico também disse que gostaria de tocar na Praça Vermelha ao lado do Kremlin. Lembrando que em 1997, Jarre realizou o seu concerto de maior público em frente a Universidade de Moscou.

Fonte e vídeo:

http://ren.tv/novosti/2015-11-27/zhan-mishel-zharr-sobiraetsya-pereehat-zhit-v-rossiyu-video

Em entrevista no site Коммерсант.ru (Empreendimento.RU), no dia 30/11 ele foi perguntado sobre política, sexo e shows:

– O single ou E.P. da faixa de colaboração completa com Pete Townshend, “Travelator”, será lançada em janeiro de 2016 e não mais em dezembro 2015.

– Sobre shows, ele voltou a falar que espera fazer festivais na Europa e Estados Unidos no verão (nosso inverno) de 2016 e em setembro, uma turnê mundial por vários países. Sobre a Russia, ele presume que tocará no país por volta de outubro de 2016, mas não está nada definido. Ele quer tocar na Russia, em um momento em que vários artistas estão boicotando o país por motivos políticos, o que ele acha uma vergonha.

-Jarre falou sobre o dia 13/11 e os atentados terroristas de Paris:

À noite, quando os terroristas atacaram Paris,eu estava trabalhando no estúdio. Eu estava completamente esmagado pela imagem dos eventos. Vários dos meus amigos estavam no clube Bataclan. Você vê, esta é uma das principais salas de concerto de Paris, eu vou lá regularmente. Eu mesmo nunca toquei lá, mas muitos dos meus amigos já tocaram, incluindo os que você ouve no álbum «Electronica». Eu me senti como se isto matasse a própria música. A compreensão desses malucos tocando instrumentos musicais como tal – é um pecado. Depois de alguns dias, eu vi em um dos programas de televisão um pregador muçulmano, que falou com um jovem rapaz: “Você toca bateria?! – Isto é uma ferramenta do diabo “. Naquela noite, após os atentados de 13 de novembro eu cheguei em casa por volta dàs quatro e meia da manhã, e eu tinha a sensação de que Paris -era uma cidade em guerra. A minha geração não pegou uma guerra no território do nosso país, este conceito é sempre em algum lugar longe de nós. A guerra é sempre um lugar na TV. E então ela veio até nossa casa. E depois de tudo isso, cheguei a pensar que agora, mais do que nunca, é importante continuar a fazer música. Esses caras, eles fizeram um grande erro com você na nossa grande história de resistência ao inimigo. Isso é o que eu amo Rússia: vocês não desistem. Vocês estão sempre lutando.

-Jarre elogiou o Presidente Russo Vladimir Putin e a Russia:

“Apesar de tudo, eu me sinto um profundo respeito com o presidente Putin. O que quer que possa ser dito sobre ele, pelo menos ele está tentando fazer alguma coisa. Agora é o momento em que os músicos não deveriam boicotar a Rússia, mas, pelo contrário, a procurar por todos os meios aqui tocar aqui. Artistas precisam estar com seu público. Quando os músicos criticam a Rússia, eu sempre penso sobre o que eles devem obrigação a Rússia. Pegue o que quiser, mesmo a MTV. Onde é que estãos as imagens rápida nos clipes? Lembre-se dos filmes de Sergei Eisenstein, ele tinha planos para dois segundos. Quando você olha para sessão de fotos de hoje, não se esqueça que os fundamentos do gênero começaram com Rodchenko. O mundo ocidental roubou muito das ideias da Rússia! É hora de pagar as dívidas.

-Jarre foi questionado sobre o casamento com atrizes e sexo:

Agora eu estou gostando de companhia feminina mais do que nunca. É que agora eu tento ficar longe da atrizes.Já estive atrizes comigo, talvez o suficiente. E, evidentemente, o segredo de um bom relacionamento sexual é quanto mais sexo, melhor.”

Fonte: http://kommersant.ru/doc/2865740

Thanks: Tamara Bekhruzi