PROMOVENDO A TURNÊ “2010” JARRE DIZ QUE QUER TOCAR NA LUA E OUTRAS COISAS

O músico francês Jean Michel Jarre, não ficou parado na preparação da segunda parte da turnê “2010”, agora no segundo semestre. Além, é claro, dos três concertos Outdoor realizado: Santiago de Compostela (Julho), Fortaleza Akershus, Oslo (Agosto) e Beirute-Líbano (Setembro), ele também percorreu vários países europeus onde a turnê irá passar. Foram vários dias de entrevistas e visita aos locais dos shows seja na França, na Irlanda ou no Reino Unido. Ele esteve em várias rádios dando entrevistas, assim como em telejornais e revistas e publicações em geral.

Algumas destas entrevistas completas podem ser lidas (em inglês ou francês) nos links abaixo:

THIS IS LONDON (INGLATERRA):
http://www.thisislondon.co.uk/lifestyle/article-23874585-why-all-french-women-are-arrogantand-english-women-are-romantics.do

THE IRISH TIMES (IRLANDA):
http://www.irishtimes.com/newspaper/features/2010/1004/1224280305380.html

STV (ESCÓCIA):
http://entertainment.stv.tv/music/195577-jean-michel-jarre-i-would-like-to-do-a-big-outdoors-project-in-scotland/

SCOTLAND’S DAILY RECORD (ESCÓCIA):
http://www.dailyrecord.co.uk/showbiz/celebrity-interviews/2010/09/24/i-ve-performed-at-amazing-places-and-i-d-love-the-moon-to-be-next-says-synth-king-jean-michel-jarre-86908-22584233/

THE CITY LIFE – MANCHESTER (INGLATERRA):

http://www.citylife.co.uk/music/news/15470_interview__jean_michel_jarre

Em uma visão geral, podemos destacar alguns pontos destas entrevistas:

1)JARRE QUER TOCAR NA LUA:

Falando sobre o inspirador desta turnê, o escritor inglês Sir Arthur C. Clarke, Jarre lembrou que o escritor uma vez, antes de morrer, havia dito, que o músico iria fazer um dia um concerto na LUA. Jarre disse para Sir Clarke, que isto era impossível. Então o escritor retrucou Jarre dizendo que ele não iria ver isto em vida, mas Jarre iria fazer isto! Hoje o músico acha que a idéia é viável: “Certamente Richard Branson parece estar hoje, preparado para cuidar do voo e levar meu equipamento. Eu adoraria tocar na lua”. Jarre disse que sempre foi ligado ao espaço e disse que, após a explosão da Challenger em 1986, pensou em abandonar o Concerto de Houston, mas os astronautas e a NASA, insistiram no projeto. Jarre disse que tocou para o falecido ex-Papa João Paulo II e que tem um asteróide no céu com seu nome dizendo: “Eu possuo ou outro link no céu em outra dimensão”.

2)JARRE APONTA NOVOS MÚSICOS:

Jarre disse que está bastante contente com músicos novos que ele acha que esta inspirando no momento: The XX, La Roux e Hurts. Segundo o músico “Eles são parte da minha família. Eles possuem muitas coisas em comum. A música eletrônica não era apenas uma tendência ou uma onda, mas uma nova maneira de pensar e escrever música. Me sinto totalmente em fase com os nossos tempos”.

3)JARRE APONTA SEU CONCERTO OUTDOOR FAVORITO:

“As Pirâmides do Egito era um lugar extraordinário e foi incrível tocar na Cidade Proibida da China, mas meu concerto favorito foi o show para comemorar o 25 º aniversário do movimento Solidariedade de Lech Walesa em Gdansk, na Polônia”.

4)LUGARES QUE ELE ADORARIA TOCAR:

A Índia seria um lugar muito interessante para fazer um mega concerto. Mas gostaria de tocar também em Glasgow na Escócia para poder usar uma gaita de fole (bagpipes). Jarre até admitiu para um repórter escocês que é fã da gaita de fole: “Isto tem influenciado o meu trabalho, por de trás da aparente melodia alegre e dinâmica, isto carrega um senso de tragédia e tristeza e a música da gaita de foles é assim. Leva a uma energia emocional. E gostaria de trabalhar com ela algum dia para algo especial em Glasgow “. Glasgow foi pensada em um local alternativo para o show Outdoor no Reino Unido em 1988, caso as autoridades locais da Inglaterra não liberassem as docas de Londres (Destinantion: Docklans).

5)JARRE ENTRE OS MESTRES DA MÚSICA ELETRÔNICA:

Para Jarre, assim como o Rock/pop, estão para os países de língua inglesa como EUA e Reino Unido, a música eletrônica está para a França e Alemanha, aonde artistas e bandas eletrônicas vem influenciando a música ao longo das décadas. Jarre cita seu ex-professor Pierre Schaeffer (SEU MESTRE) em Paris e Karlheinz Stockhausen em Colônia (Alemanha).

6)RELAÇÃO TUMULTUADA COM SEU PAI, MAURICE JARRE:

Jarre sempre deixa claro nas entrevistas que seu pai, o falecido compositor de trilhas sonoras, Maurice Jarre, sempre foi “um buraco negro em sua alma”. Alguém distante, que estava recebendo seus louros com compositor na América, enquanto o jovem Jean Michel e sua mãe, viviam nos subúrbios de Paris em forma precária e passando dificuldades. “Se me influenciou, só se for em nível cromossômico, nada mais”. Jarre sempre diz que sua mãe ocupou o lugar de seu pai em sua vida.

7)JARRE “QUASE” PINTOR E A INFLUÊNCIA DE PIERRE SCHAEFFER:

Antes de conhecer Pierre Schaeffer, Jarre pensava em abandonar de vez a música e se tornar um pintor abstrato. Ele realmente é fã das obras dos pintores Jackson Pollock e Pierre Soulages. Mas, o Professor Schaeffer, ofereceu a ele, coisas similares só que na forma musical com a música concreta: “fazer sons musicais com fita, tesoura e papel celofane!” Estamos comemorando o 100 º aniversário de Pierre Schaeffer na próxima semana “, diz ele”,e é uma vergonha, porque ninguém se importa – mesmo na França. Se ele fosse americano, ele seria, na minha opinião, maior do que John Cage, porque ele inventou o que estamos fazendo por estes dias – o sampling, o loop, os sons reversos – design de som. Naquela época, eu disse para mim mesmo, ‘Isto é exatamente o que eu quero’.

8)JARRE DIZ QUE ERROS PODEM ACONTECER TOCANDO AO VIVO E ISTO É BOM !

“Eu realmente queria compartilhar a idéia de que você poderia produzir uma performance ao vivo com instrumentos eletrônicos. Estamos em uma sociedade onde todos nós estamos com medo de qualquer tipo de acidentes. Tudo tem que ser limpo e macio e pré-organizado. Em nossa vida do dia-a-dia é a mesma coisa. E de repente se expor dizendo que você pode ter acidentes no palco cria uma cumplicidade totalmente diferente, uma relação totalmente diferente com o público.”

Erros podem acontecer, mas novamente ele ainda tem um synth vintage que ele nunca abandonou no palco . “Eles são mais confiáveis do que um monte de computadores, porque, naqueles dias, as pessoas estavam fazendo os instrumentos com componentes militares”.

9)JARRE E AS MULHERES INGLESAS X FRANCESAS :

Casado pela terceira vez, a lista de mulheres que passaram na vida de Jean Michel Jarre, não é pequena. Falando para um jornal britânico Jarre faz uma comparação entre as mulheres da Inglaterra com a as mulheres da França. Ele acha que as meninas inglesas (“mulheres”, ele se corrige) são mais autoconsciente, mas por outro lado, “elas são muito menos conhecidas, e mais românticas”. “Não há”, continua ele, “essa imagem famosa da mulher francesa, sentada em seu carro, passando batom no espelho.” “As mulheres francesas são …Arrogante”, diz ele. “Na minha opinião, as mulheres britânicas são mais românticas do que as francesas.” Lembrando que Jarre foi casado com a atriz inglesa Charlotte Rampling e hoje está casado com a atriz francesa Anne Parillaud. Sobre seu relacionamento tumultuado com a também atriz francesa Isabelle Adjani , ex-noiva, Jarre diz : “Eu só tive apenas uma ocasião na minha vida quando de repente minha vida privada estava em toda parte isto se tornou fora de controle, um acidente.” Sobre sua ex-esposa, Charlotte Rampling, ele é só elogios: “Fantástico, é grande – é um milagre – é muito agradável. Estamos realmente muito, muito perto. Ela é uma pessoa extraordinária. ” “Leva uma vida inteira para conhecer alguém, mas de reconhecer alguém como uma alma gêmea leva um instante – e é exatamente isso que aconteceu entre mim e Charlotte “. Sobre a infidelidade o músico diz: “a infidelidade é sempre algo difícil de aceitar – se você é chinês , britânicos, franceses. Eu acho que é um conceito universal … ou problema.”

10)MÚSICOS SÃO EGOÍSTAS ?

“Não …” Jarre diz, então, admite, “sim, um pouco. Isso é outra coisa. Criar os filhos ou ter uma relação decente com o seu parceiro é um desafio dos infernos”. “Quando você está no seu mundo artístico, você não está dando o devido respeito e atenção às pessoas que você ama, e do outro lado, quando você está no seu dia-a-dia, uma frustração súbita pode crescer para não usar desta vez como suas obsessões. Então, infelizmente, não é tão bom ser um músico. Não é a melhor maneira de começar uma vida tranquila. ”

11)OS TRÊS ANIMAIS FAVORITOS

“Meu favorito três animais? Eu diria ELEFANTE, CACHORRO e o DRAGÃO. O Dragão é bom porque ele é o rei dos animais, e ele não existe. Apenas no papel. Ele tem um problema psicológico e de alguma forma eu gosto de animais com problemas psicológicos “, diz com uma gargalhada. Ele ri muito mais quando eu digo que segundo a mitologia o primeiro é como você quer que o mundo vê-lo, o segundo como eles fazem vê-lo e o terceiro é o que você realmente é.

20)ÁLBUM NOVO SÓ 2011…EXPLICAÇÃO DO ATRASO
Jarre esperava lançar um novo álbum ainda em 2010, mas infelizmente, devido ao prolongamento da turnê e as perdas do Pai, Mãe e de seu ex-produtor, Francis Dreyfus, Jarre confessou que está sem inspiração no momento para tocar o barco no momento. Então, novo álbum, só em 2011…

21)GLASTONBURY EM 2011 ?
Jarre está tentando para o ano que vem, ser incluído em um dos maiores festivais de música indie do Reino Unido, o Glastonbury. Ao que parece, os produtores do festival ainda não liberaram o artista. Ele já vem tentando há muito tempo…

Marcos Paulo

Fã Clube criado em 1997 nos primórdios da internet no Brasil. Buscamos sempre a realização de ao menos uma apresentação do Maestro Jean Michel Jarre em nosso país.